Agora Entendi!

Todos somos um pouco cientistas quando crianças. É a curiosidade que nos faz aprender a andar, conhecer sabores e resolver problemas. Mas só alguns, quando adultos, mantém esse espírito vivo e continuam a se questionar, permanecem movidos a aprender.

Se você mantém esse espírito ou mesmo se é um cético em relação a alguns fatos científicos esse podcast vai te levar ao encontro de cientistas que explicarão sobre assuntos atuais e que te ajudarão a tirar muitas de suas dúvidas em relação às principais conclusões da ciência.

Mas não nos interessa somente que você entenda. Queremos receber seus questionamentos, seus argumentos, suas opiniões. Vamos debater ciência! Só estaremos satisfeitos quando juntos dissermos: Agora entendi!


- Duração média dos episódios: 15 a 20 minutos
- Criação, roteiro e entrevistas: Klena Sarges (Pesquisadora em Saúde Pública / FIOCRUZ)
- Apresentação/locução: Henrique Sarges (estudante de Artes Cênicas / Casa das Artes de Laranjeiras/RJ)
- Edição: Alcyr de Morisson (arquiteto/doutorando em Habitação de Interesse
Social/FAU/UFRJ)

Trilha sonora das vinhetas: Club Seamus (Kevin MacLeod) (Free License)

Ciências Naturais, Ciências Social e Tecnologia

Assine:

Episódios Mostrando página 1 de 1 (3 episódios)

Somos todos primatas

Foto da capa do episódio by Dale Omori, courtesy of the Cleveland Museum of Natural History

Vacinar é mesmo uma boa?

O episódio aborda a importância da vacinação de crianças e adultos para manutenção do controle de doenças que podem causar óbitos e complicações de saúde permanentes às pessoas. As cientistas convidadas explicarão sobre o processo de criação e validação de uma vacina, seus possíveis efeitos colaterais e sobre os testes que asseguram as vacinações em massa.

Entrevistadas convidadas:
-  Dra Carla Domingues - socióloga e epidemiologista - coordenadora-geral do Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde
-  Dra Eliane Matos- médica infectologista/pesquisadora – BioManguinhos  - FIOCRUZ

O corpo humano em um chip

Não é ficção! Há uma possibilidade de excluirmos animais das fases experimentais de algumas pesquisas científicas graças a um microchip de computador.
Human on a chip é a mais recente inovação da engenharia biomédica que simula as
atividades e respostas fisiológicas de órgãos humanos e até de sistemas completos.

Festejado como um método substitutivo definitivo, há ainda o que se refinar neste
circuito integrado para ser usado na rotina científica. Para melhor explicar sobre o human on a chip entrevistamos cientistas do Centro Nacional de Pesquisas em Energia e Materiais (Dra Talita Marin - LNBio/CNPEM) e do Centro Brasileiro para Validação de Métodos Alternativos (Dr Octavio Presgrave - BRACVAM). Bora ouvir? 🔊 (Foto licenciada by Wyss Institute at Harvard)

Trilha incidental na locução: Scanglobe (Sputnik) (free license)

Megafono