Garganta!

Assine:

Ver todos episódios

#1 Slams que atravessam garganta-coração

#1 - Slams que atravessam garganta-coração.

Luiza Romão atualmente mora em Vila Mariana, São Paulo. Mestranda em Teoria Literária e Literatura Comparada pela Universidade de São Paulo. Bacharela em Direção Teatral pela Universidade de São Paulo (ECA/USP) e formada na Escola de Arte Dramática (EAD/USP). No teatro, trabalhou em coletivos como Núcleo Bartolomeu de Depoimentos, Teatro Documentário, Cia Ato Reverso e com diretores como Rogério Tarifa, Cristiane Paoli Quito, Silvana Garcia, Lina della Rocca (Itália), entre outros. Seu último projeto autoral chama-se Sangria e além de mesclar cinema, performance e poesia, circulou por diversas mostras e festivais do Brasil e América Latina (Porto Rico, México, Cuba, Argentina, Uruguai, entre outros). Além disso, Luiza é poeta, com dois livros publicado pelo selo doburro/SP (Sangria e Coquetel Motolove); ademais, desde 2013, participa ativamente da cena de slams (batalhas de poesia) e saraus.

Instagram: @luiza_romao.

Tom Grito é poeta, atualmente mora no Morro do Pinto, no bairro de Santo Cristo no Rio de Janeiro. Dedica-se à poesia falada (spoken word/poetry slam) e às micro-revoluções político-sociais onde a poesia incinera, afaga, afeta e transforma. Pessoa não binárie transmasculine viveu até 2019 sob o heterônimo de Letícia Brito. Entusiasta da cena de poetry slams e saraus de poesia no Brasil, participou da fundação do Tagarela, primeiro slam do Rio de Janeiro, em 2013 e do Slam das Minas RJ, primeiro slam de mulheres e LBTs no Rio de Janeiro, em 2017. Integra as antologias: Poesia de Esquina (2018/Esquina Editorial); Tente entender o que tento dizer (2018/Bazar do Tempo); A resistência dos vaga-lumes (2019/Editora Nós); LGBTQIA+ /Coleção Slam (2019/Autonomia Literária); Querem nos calar (2019/Editora Planeta). Lançou seu primeiro livro "Antes que seja tarde: para se falar de poesia" (2019/Editora Malê). Segue lutando contra o fascismo com sua poesia.

Instagram: @tomgritopoeta.

Vakinha: vaka.me/970427.

Apresentado por Valeska Torres (@valeskatorres_poeta)
Edição de Som: Rebecca Nora (@rebeccanoraa)
Arte: Isabela Alves (@afrobela_)

Megafono