Tetas na Mesa

Da mesa de bar para os microfones, toda semana Érica Ramirez, Thaís Habka e Dani Carvalho batem um papo descontraído e honesto sobre a treta que é viver equilibrando todos os pratinhos da vida de mulher e mãe feminista.

Toda quarta-feira, um novo episódio.

Sociedade e Cultura e Crianças e Família

Assine:

Episódios Mostrando página 1 de 2 (17 episódios)

#17 – Gravidez

Ah, a gravidez... esse momento sublime de gerar o maior amor do mundo dentro de você, de ser morada para um bebê que está se formando e se preparando para vir ao mundo. ♥ Tá, até a página 2. A gravidez também traz enjoos constantes, rinite alérgica, cansaço, sono incontrolável, e como se não bastasse, passadas de mão na barriga de desconhecidos o tempo todo.
.
No 17º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Dani e Thaís conversaram sobre os encantamentos e gasturas da gravidez e viram que o exercício de silenciar, olhar para si e respeitar seu momento é o melhor que você pode fazer para si e para seu bebê.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
Queimando o Sutiã:
Érica: documentário O Renascimento do Parto; e série O Começo da Vida, disponíveis no Netflix.
Thaís: livro Gestos de cuidado, gestos de amor: orientações sobre o desenvolvimento do bebê, de André Trindade; e perfis no IG @maternitylivre da Eliana Rigol e @livrematernagem.
Dani: passe sua gravidez acordada! Faça um diário sobre como você está, não importa o que o aplicativo diz, anote o que você está sentindo.
.
Para desopilar:
Thaís: filme Nasce uma Estrela, disponível no Now e trilha sonora no Spotify.
Érica: dorama Something in The Rain, disponível no Netflix.
.
Apoie o podcast que você ama! Através do link picpay.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#16 – Mães expatriadas

Conhecer uma nova cultura, aprender um novo idioma, buscar mais qualidade de vida ou fugir do Biruliro. Não importam os motivos, viver em um novo país e escolher criar seus filhos longe de suas raízes é um desafio. Se na maternidade temos que equilibrar diversos pratinhos, uma mãe expatriada adiciona boas doses de dilemas nessa jornada.
.
No 16º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Dani e Thaís conversaram com a Fernanda Marques, dona e proprietária do @eagoracinderela e autora do livro Trechos de Mim, que nos contou das alegrias e tristezas que uma mãe expatriada passa quando escolhe fincar suas raízes em outro lugar desse mundo.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
Queimando o Sutiã:
Érica: podcast Chá com Rapadura, episódio Come here, my angel e filme Lion – Uma Jornada para Casa, disponível no Netflix.
Fernanda: filme Brooklyn, disponível no Netflix.
Thaís: documentário Democracia em Vertigem, disponível no Netflix.
Dani: música Xote da Dona Ema do Grupo Triii. 

#15 – Solidão materna

Como pode uma mulher que acabou de se tornar mãe se sentir sozinha, em uma fase em que ela está acompanhada em todos os momentos? Começa no pós-parto com o isolamento físico e emocional que ocorre quando um bebê chega, depois vem o distanciamento mental e social que perduram por anos. Isso sem contar a sensação de não-pertencimento em todos os outros espaços do mundo.
.
No 15º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Dani e Thaís conversaram sobre suas experiências com esse sentimento tão devastador que é a solidão. Ela nos tira o chão, a identidade e a tranquilidade, e perceberam que a única saída é buscar alguma luz no fim do túnel que amenize a dor, pelo menos um pouquinho, quando esse aperto no peito estiver forte.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
Queimando o Sutiã:

Dani: app de meditação Headspace: Meditação e Mindfulness.
Thaís: livro A Parte que Falta, de Shel Silverstein; e vídeo A Falta Que A Falta Faz da Jout Jout.
Érica: texto da Cila Santos, disponível no site da Militância Materna, chamado Danço eu, dança você, na dança da solidão, perfil no Instagram: @militanciamaterna e filme Ela (Her), disponível no Prime Video e no Google Play Videos.

#14 – Ativista de iPhone

Você virou mãe e junto com esse lindo bebê, chegaram também as lutas que você nem sonhava ter que lutar: brigar na padaria do bairro para colocarem trocador, barrar os palpites sobre suas escolhas, e lidar com o acolhimento #sqn da sua empresa onde só sobrou o banheiro pra você tirar leite. Isso sem falar no desgaste emocional de explicar pra sua tia que aquele meme é fake news e se manter sã em tempos de polarização. Todos esses perrengues são nossos, e são políticos.
A gente descobre - e ressignifica - tudo isso quando, diante das dificuldades que temos para ocupar o espaço público, vemos uma luz no fim do túnel: nosso celular. É por meio dessa telinha que muitas de nós damos um jeito de usar nossa voz mesmo sem sair do espaço privado, que é onde nos disseram pra ficar. Mas que história é essa de militar pela internet? Militância, articulação, luta... essas palavras rimam com maternidade?
.
No 14º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Dani e Thaís recebem Mariana Janeiro, que dentre muitas outras coisas é filósofa, ativista política e mãe de dois filhos, e conversam sobre a treta que é lutar pelo que a gente acredita depois que vira mãe, driblando barreiras de tempo e espaço, literalmente.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
Queimando o Sutiã:

Thaís: perfil da Mamatraca, da Anne Rammi, codeputada na Alesp com a @bancadaativista e articuladora do @politicaeamae.
Dani: livro O Mito da Beleza, de Naomi Wolf.
Érica: filme Estrelas Além Do Tempo (2016), disponível no Google Play; e documentário Feministas: O Que Elas Estavam Pensando? (2018), disponível no Netflix.
Mariana: programa de Leituras e Reflexões Feministas no WhatsApp – Módulo I – Início 01/Julho – Inscrições até dia 30/Junho pelo link na bio no Instagram da @marianajaneiro ou direto pelo Sympla.

#13 – Relacionamento pós-filhos

Vocês namoraram, se casaram e, seguindo o caminho natural da família doriana, vieram os filhos para abençoar a união. Seria um lindo conto de fadas se não fosse pelo balde de água fria chamado realidade: o abismo que se forma entre a maioria dos casais após a chegada dos filhos.
.
No 13º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Dani e Thaís fizeram um crossover com a Daiana Almeida do Gerando Novas Histórias para falar sobre essa nova fase do casal, que vai muito além de dar um check na lista da vida, e viram juntas que não há receita pronta para fazer esse casal se reconectar, muito menos milagre, restando somente muita conversa e vontade de ambos em construir essa nova relação, seja juntos ou separados.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
Queimando o Sutiã:

Daiana: filme Tully, disponível no Prime Video, tirinhas sobre carga mental da francesa Emma, traduzida para o português pela Bandeira Negra; e série Turma do Peito, no Netflix.
Dani: episódio do Mamilos 152 – Sexoterapia.
Thaís: perfis no Instagram @clarisleal e @carolteixeira_ sobre sexualidade e @fatigatis, sobre carga mental.
Érica: livro How Not to Hate Your Husband After Kids, de Jancee Dunn.

#12 – Mães mentem?

Foi ao parquinho com a criança para relaxar um pouco e quando viu, saiu de lá se sentindo a pior mãe do mundo? Ou a mãe premiada, que teve o filho que não dorme, não come e de quebra, não “obedece”? Relaxa, tá todo mundo se sentindo assim, porque a competição materna e essa idealização de que mulheres são rivais é só mais uma ferramenta do patriarcado para que as coisas se mantenham assim.
.
No 12º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Dani e Thaís testaram sua nova interface de áudio (hahaha) contando as mentiras que as mães falam e como se afastar desse ciclo de competição, já que estamos todas navegando no mesmo mar, mesmo que cada uma esteja no seu barquinho.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
Queimando o Sutiã:

Dica da Thaís: livro Feminismo em comum: Para todas, todes e todos, de Marcia Tiburi.
Dica da Dani: leia, ouça e converse sobre coisas além da maternidade, exemplo conheça o podcast Café da Manhã produzido por uma parceria da Folha de S. Paulo e Spotify.
Dica da Érica: página www.todasfridas.com.br e perfil no Instagram @todasfridasoficial; e o episódio Sororidade de Verdade do podcast e canal do Youtube da Conexão Feminista, com a Mariana Janeiro, de 24/01/19. 

#11 – Rede de apoio | Especial Mês das Mães

Rede de apoio: onde vivem? Como vivem? De que se alimentam? Poderia ser uma chamada do globo repórter, mas é só as mães em busca da sua vila para criar a sua criança.
.
No 11º episódio do Tetas na Mesa, para fechar o mês das mães com chave de ouro, Érica, Dani e Thaís receberam uma convidada especialíssima no assunto, Ligia Baleeiro (@ligiabaleeiro), e bateram aquele papo gostoso e problematizador (do jeito que a gente gosta) sobre esse tema crucial que definirá se o nosso maternar será leve e potente ou somente servil. E como nada na maternidade e no ser mulher é fácil, já segue o spoiler: rede de apoio também não é automático como parece, e para essa vila existir será preciso muita conversa e disposição.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
Queimando o Sutiã:

Dica da Thaís: perfil no IG da Thaiz Leão (@a_maesolo), fundadora do @institutocasamae e canal da Hel Mother no Youtube.
Dica da Dani: livro Revolução Laura, de Manuela D’Ávila.
Dica da Érica: perfil no IG da Julia Harger (@veganaeasuamae).
Dica da Ligia Baleeiro: seguir a hashtag #paposmaternos no IG e escrevam!

#10 – Lista de Enxoval. Não, péra. | Especial Mês das Mães

O teste deu positivo e a primeira coisa que você faz é dar um Google: lista de enxoval para bebês até 2 anos, buscar. Próximo passo: descobrir qual amiga vai para os states para te trazer um carrinho supersônico e todo o guarda-roupa daquele serzinho que ainda tem 2 cm dentro da sua barriga. Nove meses depois, o bebê nasce em um parto totalmente diferente do que você imaginou, a amamentação parece mais com uma sessão de tortura e o tal do amor pelo bebê, então? Demora a chegar...
.
No 10º episódio do Tetas na Mesa, Érica e Thaís regadas à vinho e Dani, à ocitocina, gargalharam sobre as suas preocupações com a lista de enxoval durante a gravidez e trouxeram o que realmente deveria constar nessa lista: menos idealização e consumismo e mais informação e realidade.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
 Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
 Queimando o Sutiã:

Dica da Thaís: livro Bésame mucho: Como criar seu filho com amor, de Dr. Carlos González.
Dica da Dani: livros A maternidade e o encontro com a própria sombra, de Laura Gutman e; O Guia Definitivo Para o Pós-Parto, de Oscar Serrallach.
Dica da Érica: filme O Renascimento do Parto (2013), de Eduardo Chauvet e série Turma do Peito (The Letdown), ambos disponíveis na Netflix.

#09 – Viva cada #Mãemento | Especial Mês das Mães

Seu filho te acorda às 7h depois de uma noite de sono ininterrupta com um abraço de bom dia e beijinhos. Você: “Minhadeusa! Eu amo demais essa criança!”. 7h20, hora de escovar os dentes e ir à escola, aquele anjinho simplesmente virou um Gremmlin do mal e passa a berrar e tacar coisas no chão e, sendo mais específica, justo a escova de dente com pasta na sua roupa para ir trabalhar. Você: “MinhaNossaSenhora! Onde eu fui amarrar meu bode? Como faz para essa criança voltar para onde ela veio? ”.
 .
A convite da The Body Shop, no 9º episódio do Tetas na Mesa gravado ao vivo, Érica, Dani e Thaís receberam Thaiz Leão e Shantal Verdelho para bater um papo honesto sobre as dores e delícias da maternidade, carinhosamente apelidado pela Body como #mãementos. Ah! E a boa notícia é que não é só com você.
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com 
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz. 

#08 – #PorraMaridos | Especial Mês das Mães

Você conhece aquele cara que tem tudo a ver com você, ideais de mundo parecidos, desconstruidão, vai para a manifestação com você e apoia o feminismo, vocês juntam as escovas de dentes e... vem o choque! Tem que lembrar que louça tem todo dia e lixo não vai para fora sozinho. Que roupa suja se bota no cesto e além de tudo isso, que não entende porquê você está sempre tão cansada.
.
Continuando nossa comemoração do mês das mães, no oitavo episódio do Tetas na Mesa, Érica, Dani e Thaís conversam sobre a #porramaridos que bombou no Twitter um tempo atrás, mas que infelizmente, nunca sai de moda. Vem cá ouvir nosso porra, maridos!
.
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram, Twitter e Facebook.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
Queremos te ouvir! Conta pra gente o que achou do episódio e se tem alguma treta que você queira que a gente aborde ou somente nos mande oi, que a gente adora conversar!
.
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
.
Queimando o Sutiã:

Dica da Thaís: filme Eu Não Sou Um Homem Fácil (2018) de Éléonore Pourriat, disponível na Netflix e; livro A mamãe é rock de Ana Cardoso.
Dica da Dani: livro Comunicação não-violenta: técnicas para aprimorar relacionamentos pessoais e profissionais, de Marshall Rosenberg e; perfil da Fafi no Instagram @home.and.soul.
Dica da Érica: vídeo Nem todo homem é machista? | 043 da Sabrina Fernandes, do canal Tese Onze no Youtube.
Próxima página

Megafono