Tetas na Mesa

Da mesa de bar para os microfones, toda semana Érica Ramirez, Thaís Habka e Mari Batisteli batem um papo descontraído e honesto sobre a treta que é viver equilibrando todos os pratinhos da vida de mulher e mãe feminista.

Toda quarta-feira, um novo episódio.

Sociedade e Cultura e Crianças e Família

Assine:

Episódios

#45 – Vamos nos amar

Se perguntarem para alguma mulher qual seu maior defeito ou em que ela quer melhorar, pode ter certeza que será difícil escolher uma coisa só. Graças a mais essa herança do patriarcado e do machismo estrutural, as mulheres perdem, ainda muito jovens, a capacidade de reconhecerem suas qualidades, amarem a si mesmas e a confiarem em suas habilidades.
--
No 45º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Thaís e Mari conversaram com a fabulosa (vestindo paetê) produtora e atriz Babi Amaral (@babi__amaral), sobre o esforço diário que temos que fazer para lembrarmos no que a gente é boa e experimentaram da força poderosa que é ouvir mulheres falando bem de si mesmas.
--
Episódio começa aos (03:20) min. Queimando o Sutiã, a partir do (01:15:17) min.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
Música de finalização: Vai Brotar, de Letrux.
--
Queimando o Sutiã:
Érica: dançar pelada ouvindo Vai Brotar, da Letrux.
Thaís: perfil e aulas de dança da Isa no @boateclassoficial, filtrar quem a gente segue no Instagram usando o comando <silenciar> e podcast AmarElo Prisma do Laboratório Fantasma.
Mari: podcast AmarElo Prisma do Laboratório Fantasma e reúnam-se (virtualmente, por enquanto) entre mulheres com temas definidos.
Babi: lives diárias da Teresa Cristina no @teresacristinaoficial para conhecer a melhor festa da quarentena e espetáculo Nômades no canal do Teatro Poeira.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#44 – Sobre ser vulnerável

Quando falamos em vulnerabilidade, a primeira coisa que vem à cabeça é exposição e com isso vem a vergonha, o medo de não sermos aceitas ou de sermos julgadas. Assim, pouco a pouco vamos nos habituando a minar nossa autoestima e vestir as máscaras que julgamos necessárias para vivermos em sociedade.
--
No 44º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Thaís e Mari desabafaram sobre vulnerabilidade e conscientes do privilégio de discutir esse assunto, viram como ser vulnerável é, desde muito cedo, especialmente difícil para as mulheres, mas ao mesmo tempo incrivelmente potente quando vivido.
--
Episódio começa aos (06:24) min. Queimando o Sutiã, a partir do (01:01:38) min.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
Música de finalização: Hold On, de Alabama Shakes.
--
Queimando o Sutiã:
Todas: palestra Brené Brown – The Call to Courage, disponível na Netflix.
Érica: filme Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças, disponível no Prime Video.
Mari: livro No Woman No Cry: Minha vida com Bob Marley, de Rita Marley e minissérie Quem Matou Malcolm X?, disponível na Netflix.
Thaís: documentário Minha História, sobre a Michelle Obama, disponível na Netflix.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#43 – Autocuidado para se fortalecer

Falar em autocuidado sempre gera culpa em 99/100 mulheres. Por mais que a gente se empodere e mergulhe em autoconhecimento, é difícil virar a chavinha para olharmos para si mesmas, ver e sustentar as coisas que realmente nos faz bem nesse momento.
--
No 43º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Thaís e Mari falaram sobre como praticar o autocuidado real (não aquele vendido pela marca de cosmético) é tão importante durante o isolamento social e viram que sair do ciclo de culpa, mas sim se auto responsabilizar pelas nossas escolhas é o que irá nos fortalecer para encarar nossas lutas.
--
Episódio começa aos (11:06) min. Queimando o Sutiã, a partir do (01:08:54) min.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
Música de finalização: Feeling Good, de Nina Simone.
--
Queimando o Sutiã:
Érica: filme Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica, disponível no Prime Video e Now; e série Little Fires Everywhere, disponível no Prime Video.
Mari: séries Sex Education e Black Mirror, disponíveis na Netflix.
Thaís: filme Jojo Rabbit, disponível no Now e Google Play; e perfis no Instagram da Triscila Oliveira, o @afemme1 e @soulanja e apoie o conteúdo dela no app.picpay.com/user/afemme1.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#42 – Webrelações no isolamento

Desobedecendo o presidente do Brasil há mais de dois meses, as pessoas que podem e estão fazendo o isolamento social para tentar conter o avanço do coronavirus no país começam a sentir na pele (e na sanidade mental) a falta do contato físico e de viver as suas relações afetivas de forma mais próxima.
--
No 42º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Thaís e Mari conversaram sobre as alegrias e dificuldades de manter as relações virtuais durante a quarentena e viram que cada relacionamento tem suas formas de nutri-lo e suas particularidades.
--
Episódio começa aos (03:02) min. Queimando o Sutiã, a partir do (57:22) min.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
Música de finalização: The Moon Song, de Karen O.
--
Queimando o Sutiã:
Mari: compras de tranqueiras (linhas, papéis, argila etc) em papelarias online para ajudar nas atividades das quiança e músicas da Duda Beat para levantar o astral.
Thaís: canal Maternas no Youtube, principalmente o #29 - Saudades.
Érica: perfil no Instagram @criancafazmerda (para rir) e filme Her, do Spike Jonze (para chorar) disponível no Now, GooglePlay, Globoplay, Youtube e no torrent mais próximo de você.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#41 – Não se renda ao patriarcado

O dia das mães já passou e ele foi, para a grande maioria das mulheres, como um dia qualquer. Cheio de tarefas domésticas, obrigações e demandas emocionais de crianças (e muitas vezes de outros adultos também), essa data comercial só escancara o peso que as mulheres já sentem todos os dias: o da opressão do sistema machista e patriarcal.
--
No 41º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Thaís e Mari escolheram comemorar o dia da mães falando sobre como o patriarcado impede as mulheres, sendo mães ou não, das maneiras mais sutis e portanto, perversas, de viverem suas escolhas em sua plenitude.
--
Episódio começa aos (09:39) min. Queimando o Sutiã, a partir do (01:13:00) min.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
Música de finalização: Todxs Putxs, de Ekena.
--
Queimando o Sutiã:
Érica: filme A Vida Invisível, de Karim Aïnouz, disponível no Now e no Google Play.
Mari: vídeo Sobre feminismos e vertentes | 042 da Sabrina Fernandes, do canal Tese Onze e episódio 001 – E pra que serve o feminismo? do podcast Alcateia Psicanalítica da Manuela Xavier.
Thaís: canal Tempero Drag da Rita Von Hunty e lives diárias às 22h da cantora @teresacristinaoficial no Instagram.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#40 – Como nossos pais

A idealização da maternidade sempre gera expectativas que raramente serão alcançadas. Seja ela positiva ou negativa, idealizar que você nunca gritará com seu filho como seu pai fez com você ou que você irá abdicar de todos seus sonhos como sua mãe, poderá te levar para um lugar longe da realidade e isso só irá te frustrar.
--
No 40º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Thaís e Mari falam sobre a dificuldade de se desconectar da criação que recebemos com a que podemos e damos aos nossos filhos, e viram que entender que somos pessoas diferentes dos nossos pais pode abrir um caminho de cura para nossa criança ferida.
--
Episódio começa aos (06:27) min. Queimando o Sutiã, a partir do (01:08:26) min.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
--
Queimando o Sutiã:
Mari: livro Mulheres que correm com os lobos, de Clarissa Pinkola Estés e podcast Talvez Seja Isso.
Thaís: livros A maternidade e o encontro com a própria sombra e O poder do discurso materno, de Laura Gutman; e perfil da psicóloga @dani.silvares no IG.
Érica: filmes Coringa e Mãe! para terminar de desgraçar a cabeça.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥ 

#39 – Mãozinha de bunda

Conscientes do privilégio que é poder estar em casa para se proteger, o isolamento social de quase um mês trouxe uma convivência intensa entre todos os membros da família talvez nunca experimentada e que testa os limites da tolerância, paciência e bom humor de todos.
--
No 39º episódio do Tetas na Mesa, Érica, Thaís e Mari desabafaram sobre o caos que se instaurou dentro de casa nas relações com os filhos (e outros seres vivos) e viram que, como tudo nessa quarentena, uma mãozinha fofa de criança te fazendo carinho, pode significar muito mais.
--
Episódio começa aos (05:41) min. Queimando o Sutiã, a partir do (58:22) min.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos: Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
--
Queimando o Sutiã:
Mari: podcast Luz no Fim da Quarentena, no feed do Foro de Teresina e pintar enquanto ouve o podcast.
Thaís: fazer exercício do canal da Pri Leite no Youtube enquanto a filha está assistindo desenho; filme Preso em Casa, disponível no Netflix; perfil da recreadora musical Maria Isadora no IG @amariaisa.
Érica: série Young Sheldon, disponível na Globoplay.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#38 – Sobre(vivendo) anestesiada

A quarentena potencializa tudo, inclusive a necessidade de se anestesiar da realidade. Quantas vezes você já tomou aquela(s) cervejinha(s) ou comeu uma barra de chocolate inteira depois que as crianças dormiram como forma de recompensa pelo dia?
--
No 38º episódio do Tetas na Mesa, Érica e Thaís apresentam a mais nova integrante desse podcast: Mari Batisteli. E juntas começam uma nova temporada falando sobre os vícios que adquirimos antes e depois da maternidade como forma de se desligar da rotina e viram que muitas vezes o que você realmente precisa vai muito além de uma taça de vinho e um doritão família.
--
Episódio começa aos (10:38)min. Queimando o Sutiã, a partir do (55:54)min.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
--
Queimando o Sutiã:
Thaís: livro Comunicação não-violenta, de Marshall Rosenberg; perfis no IG da @carolinanalon e da Juliana Mariz e Lia Abbud no @fatigatis.
Érica: série Casamento às Cegas, disponível no Netflix e Years and Years, disponível na HBO.
Mari: livro Fazendo as pazes com o corpo, da Daiana Garbin; livro Não sou exposição, da Paola Altheia (@naosouexposicao); psicólogas que fazem atendimento online: Ligia Dvorak (@casaamora.indaiatuba)e Renata Batisteli (@batistelire).
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#37 – Coronavírus

Acredite jair bolsonaro ou não, a pandemia de coronavírus chegou ao Brasil abalando nossa eterna e falsa sensação de controle de nossas vidas, esfregando na cara da sociedade que esse modo de vida individualista e insano está cada vez mais insustentável.
--
Nesse 37° episódio, Érica e Thaís comemoram o aniversário de 1 ano do Tetas na Mesa em clima de quarentena - sem festinha (taokei?) – mas compartilhando dúvidas e inquietações sobre como passar por mais esse desafio juntas.
--
Episódio começa aos (4:50). Queimando o Sutiã, a partir do (41:05).
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
--
Queimando o Sutiã:
Érica: podcast Café da Manhã da Folha de S. Paulo & Spotify, episódios A psicologia da pandemia, com Vera Iaconelli, do dia 13/03/20, e O que esperar do coronavírus no Brasil, Dráuzio Varella, de 27/02/20.
Thaís: perfil da Anne Rammi no Instagram no @mamatraca e da Mirelle no @13anosdepois, e vídeo Coronavirus: como enfrentar a pandemia? da Claudia Feitosa-Santana.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥

#36 – E quando chega o fim? #OPodcastÉDelas2020

Quando é hora de encerrar um ciclo? Terminar um namoro, pedir demissão, mudar de cidade? Faz sentido terminar coisas que não estão tão ruins assim? E após tomar a decisão - ou recebe-la de alguém -, como fazer para viver o luto de um jeito saudável?
--
No 36° episódio do Tetas na Mesa, Érica, Dani e Thaís compartilham experiências pessoais e falam sobre como reconhecer e desapegar do que não nos serve mais. E ainda encerram mais uma temporada com uma revelação ao vivo! Haaaaja coração, amigos!
--
Episódio começa aos (9:06). Queimando o Sutiã, a partir do (01:15:31).
--
Esse episódio faz parte da campanha #OPodcastÉDelas2020, uma campanha feita na podosfera para inserir e promover a maior participação de mulheres na mídia podcast. Busque pela #OPodcastÉDelas2020 e conheça os programas participantes.
--
Siga a gente nas redes sociais! Somos o @tetasnamesa no Instagram e Twitter.
E se você preferir nos mandar um e-mail, envie para tetasnamesa@gmail.com.
--
Créditos:
Edição: Ique Muniz - iquemuniz@gmail.com.
Música da abertura: Os Tempos Mudam, de Rodrigo Ogi e Lurdez da Luz.
--
Queimando o Sutiã:
Érica: filme História de um Casamento, de Noah Baumbach, disponível no Netflix.
Thaís: livro Limite Zero, de Joe Vitale, sobre a prática havaiana antiga do Hoʻoponopono.
Dani: perfil no IG The Fabulous App @thefabstory.
--
Financie o podcast que você ama e faça ele continuar! Através do link catarse.me/tetasnamesa você escolhe um plano de assinatura que cabe no seu bolso. ♥ 
Próxima página

Megafono