Universo Literário

Assine:

Ver todos episódios

A arte e a vida de Frida Kahlo

 Frida Kahlo
=====================
  • No dia 6 de julho se comemora o aniversário de uma das pintoras mais celebradas e conhecidas do mundo inteiro.
  • É uma pintora de uma trajetória sofrida, um estilo de vida único uma pessoa politicamente influente pela forma como se posicionou perante a sociedade durante os seus (apenas) 46 anos de vida.
  • Eu estou falando da pintora mexicana, Frida Kahlo.
  • Frida Kahlo, nome artístico de Magdalena Carmen Frida Kahlo y Calderón, nasceu na vila de Coyoacán, no México, no dia 6 de julho de 1907 (há, portanto, 112 anos). Filha de pai alemão e mãe espanhola desde pequena teve uma saúde debilitada. Com seis anos contraiu poliomielite que lhe deixou uma sequela no pé. Com 18 anos, sofreu um grave acidente de ônibus que a deixou um longo período no hospital (fato que mudaria bastante sua vida).
  •  Pessoa muito à frente de seu tempo. Foi uma mulher guerreira, lutadora tanto na vida privada a qual teve que superar grandes traumas, quanto na vida social. Toda sua obra reflete esta realidade, além da pintura, também deixou um diário onde registrou suas alegrias e frustrações como seu conturbado casamento, sua saúde frágil e a impossibilidade de gerar filhos.
  • Hoje quando se fala em México é quase impossível não lembrar de Frida Kahlo. Mas a verdade é que apenas depois de sua morte, em 1954 (ela tinha apenas 47 anos), é que a artista tornou mundialmente famosa com os seus quadros e escritos.
  • Enquanto estava viva, Frida era mais conhecida como “esposa de Diego Rivera”. Hoje, enfim, ela é protagonista de sua própria história e reconhecida como uma das artistas visuais e personagem histórica mais celebrada das últimas décadas.
  • Eu estive ano passado no México e é, realmente, incrível o quanto os mexicanos tem orgulho de sua mais famosa pintora. E ela, sempre refletiu este orgulho. Tinha muita alegria por ser mexicana e pelas suas raízes. Embora tivesse vivido em Nova York, São Francisco e Paris, Frida Kahlo sempre foi muito atraída pelo seu país. 
  • Ela usava sempre, em qualquer ocasião (até no seu casamento!) o traje tradicional mexicano, de longas saias coloridas e blusas huipil da sociedade matriarcal mexicana Tehuantepec.
  • Em 1929, com 22 anos, Frida Kahlo casa-se com o Diego Rivera(segundo a mesma, sua paixão desde 0s 15 anos) e vão morar na “Casa Azul”, onde Frida nasceu. Em 1930, Frida engravida, mas sofre um aborto espontâneo (ela sofreria vários durante sua vida). Nesse mesmo ano, foi com o marido para os Estados Unidos, onde ele realizava exposições. Moraram nas cidades de Detroit, São Francisco e Nova Iorque. Dedica à pintura, realiza um grande número de autorretratos – de inspiração surrealista, apesar de negar dizendo: “Nunca pintei sonhos e sim minha própria realidade”.
  • Apesar de passar por diversas cirurgias e usar um colete de gesso em consequência do acidente, Frida não parava de pintar. Sua obra recebia influência da arte indígena mexicana. Pintava paisagens mortas e cenas imaginárias. Usava cores fortes e vivas, explorando principalmente os autorretratos. Frida Kahlo era também aficionada por fotografia, hábito que herdou de seu pai e do seu avô materno, ambos, fotógrafos profissionais. Ela pintou a si mesma 55 vezes!
  • Frida Kahlo lecionou artes na Escola Nacional de Pintura e Escultura, recém-fundada na cidade do México. Foi uma defensora dos direitos das mulheres, tornando-se um símbolo do feminismo.
  • Deprimida, viveu os últimos anos de sua vida na Casa Azul, no México, que em 1958, passou a abrigar um museu em homenagem à pintora.
  • Frida Kahlo faleceu em Coyoacán, no México, no dia 13 de julho de 1954.
  • Há diversos filmes e documentários sobre Frida Kahlo. Eu recomendo o filme “Frida”de 2002, com Salma Hayek como Frida, al[em de Alfred Molina e Antonio Banderas. Este filme venceu o Oscar de Melhor maquiagem e melhor trilha sonora.

Megafono